Com certeza você já deve ter bebido o Periquita, este que é um dos clássicos vinhos portugueses vendidos no Brasil. Ele é feito basicamente da uva Castelão e é produzido pela vinícola José Maria da Fonseca, que fica na Península de Setúbal. Desta mesma região sai também o não menos famoso vinho de sobremesa Moscatel de Setúbal.

Periquita Superyor

Se você gosta do Periquita fique feliz, pois os Vinhos da Península de Setúbal receberam recentemente importantes reconhecimentos. Trinta e dois moscatéis da região obtiveram excelente pontuação na prestigiada publicação The Wine Advocate/eRobert Parker. Mark Squires, provador oficial dos vinhos de Portugal para a publicação, descreve-os como “os melhores vinhos que ainda desconhecemos”. No final de 2015, o mesmo especialista destacou 22 vinhos tintos finos, da casta Castelão predominantemente (com pelo menos 50% da uva), que atingiram entre 85 e 92 pontos na lista da The Wine Advocate. Nas palavras de Squires, “os vinhos envelhecem lindamente de forma a fundir a intensidade de sabor com notas mais maduras e começam a parecer simplesmente maravilhosos”. Confira a lista:

PONTUAÇÃO eRobertParker.com

2009    Periquita Superyor               José Maria da Fonseca                      92

2008    Periquita Superyor               Maria da Fonseca                               92

2009    A.S. Cinquenta                       António Saramago                             91

2013    Grande Reserva Vinhas Velhas Casa Agrícola Horácio Simões       91

1999    Periquita                                José Maria da Fonseca                        90

2013    Quinta da Mimosa                 Casa Ermelinda Freitas                       90

2013    Quinta do Piloto Reserva     Quinta do Piloto                                  90

2012    Pegos Claros Vinhas Velhas Herdade de Pegos Claros                  90

2010    António Saramago Reserva António Saramago                              89

2013    Serra Mãe Reserva                SIVIPA                                                 89

2013    Vinha Val’dos Alhos              Casa Agrícola Horácio Simões             89

2013    Dona Ermelinda Reserva      Casa Ermelinda Freitas                       88

2012    Pegos Claros                          Herdade de Pegos Claros                    88

2013    ASF Fernão Pó Adega                       Freitas &Palhoça                     88

2013    Adega de Palmela Reserva 60         Adega C. de Palmela               88

2010    Lobo Mau Reserva                 Casa Agrícola Assis Lobo                  88

2012    Quinta do Piloto Reserva     Quinta do Piloto                                   88

2011    Fontanário de Pegões           Coop. Agrícola St. Isidro de Pegões    88

2013    Periquita Original                 José Maria da Fonseca                        87

2013    Villa Palma Colheita Seleccionada  Adega Coop. de Palmela         87

2012    Sobreiro Premium     Coop. Agrícola St. Isidro de Pegões                87

2013    Palmela                      Adega Coop. de Palmela                                 85

O uva Castelão é a mais cultivada no sul de Portugal. Possui um grande poder de adaptação a diferentes condições climáticas, o que lhe dá uma notável versatilidade. É conhecida na região da Península de Setúbal por Periquita, nome que teve origem na propriedade chamada Cova da Periquita, estabelecida na localidade de Azeitão por José Maria da Fonseca, por volta de 1830.

A casta ocupa cerca de 60% da produção da Península de Setúbal, região à qual se adapta muito bem. É sobretudo nos terrenos arenosos e nas vinhas velhas da região que a casta dá o melhor de si e de onde saem os vinhos mais estruturados, carnudos e intensos. Os vinhos da casta Castelão são frutados, insinuando aromas de cereja, groselha, castanha, ameixa confitada, amoras e framboesa, que se harmonizam bem com o estágio em barris de carvalho. Apresentam excelente capacidade de envelhecimento.

A informação é da CVRPS – Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal.