Espumante ou vinho “on the rocks”. Esse talvez seja um dos assuntos mais polêmicos sobre o consumo tradicional do nosso querido champagne. Acredito que só perca para a recente polêmica do “taça flute x taça de vinho branco”, mas isso é assunto para outro post.

Sem medo de arriscar e seguindo o sucesso de seu último lançamento, a Moët Ice Impérial, a Moët & Chandon acaba de lançar a versão Rosé, o Moët Ice Impérial Rosé, para ser bebido assim, sem medo de ser feliz, com pedras de gelo.

unnamed

É claro que nem todo champagne deve ser bebido desta forma. A Moët Ice Impérial é um champagne levemente doce e permite que o gelo dilua essa doçura e torne a bebida agradável. Champagnes brut, por exemplo, são secos e o gelo só vai atrapalhar. Cada coisa em seu lugar.

Independente de muitas pessoas ainda torcerem o nariz, posso falar por experiência própria que o novo consumidor de vinho está adorando a experiência. Em nossos veículos da rede de bares de vinho itinerante Winebar on the Road, temos preparado drinques a base de espumantes demi-sec e vinhos de sobremesa e o sucesso é garantido. A experiência além de ser muito mais divertida, atinge em cheio o consumidor que quer uma bebida ainda mais refrescante para aplacar o calor.

A  Moët & Chandon dá até a receita para você apreciar a bebida perfeitamente:

  1. Gele a garrafa de Moët Ice Impérial Rosé a 8°C
  2. Escolha uma taça de vinho com boca larga
  3. Coloque 120ml de Moët Ice Impérial (Uma garrafa equivale a 6 drinques)
  4. Adicione 3 cubos de gelo

Aproveite!

abs!
Alexandre